Espaço Zen 19 de Setembro de 2016

Fadiga: descubra qual distúrbio do sono pode estar por trás dela


A correria da vida moderna faz com que o estresse e a fadiga apareçam, dificultando a realização de tarefas que consideramos simples. Porém, nem sempre a fadiga sentida após um dia cansativo quer dizer que você precise somente descansar.

Ela pode aparecer por várias causas, inclusive por conta de distúrbios ligados ao sono.

Muita gente nem imagina, mas o sono serve não apenas para repor as energias como também é o momento que o corpo reserva para a síntese de proteínas. Por este motivo, é importantíssimo dormir bem para mandar a fadiga para bem longe.

Mulher dormindo profundamente em sua cama

Os 5 estágios do sono

A quantidade de sono diária varia muito de pessoa para pessoa e depende de outros fatores como idade, genética ou cansaço físico e mental. Mas, em média, um adulto necessita dormir entre sete e oito horas por dia. É importante não apenas atentar para a quantidade de horas, mas também para a qualidade do sono, sendo necessário que ele passe por todos os estágios, sendo cinco ao todo.

Os dois primeiros estágios representam o sono superficial, consumindo entre 55 e 60% do tempo dormido. Já nos estágios três e quatro, acontece o descanso “físico”, que dura 20% do tempo. O quinto e último estágio ocupa os 20% restantes do tempo e, nele, acontecem os sonhos, considerados importantes para preservar a memória.

Fadiga x Sono

Um distúrbio que pode estar por trás da fadiga é a apneia, que é caracterizada pelo fechamento repetitivo da passagem do ar pela garganta durante o sono, podendo interromper a respiração por até 40 segundos.

Essas pequenas interrupções fazem com que a pessoa acorde várias vezes durante a noite. Alguns sintomas de quem sofre de apneia são: fadiga, alteração de humor, falta de concentração e perda de memória.

É importante lembrar que é necessário procurar auxílio médico para que sejam realizados exames para um diagnóstico preciso e um tratamento adequado.

 



Compartilhe nas redes sociais:
Rodapé da página.